Recife e Olinda/PE – dia 1

17/jun/2016

Olá, meninas!

 

Faz um tempão que estou pra postar as dicas das férias que passei em Recife, Olinda e Porto de Galinhas, apesar que postei bastante no Instagram (@vanessaraya), mas a correria, sabem como é…

Vamos lá.

A ideia inicial partiu do convite de meu amigo (mega amoooor) André – ele é um presente que a vida de blogueira me deu!! – de ir pra lá. A gente sempre com saudades, e como nunca tinha ido pra essa região, adorei a ideia. Temos também alguns parentes que se mudaram pra Porto de Galinhas, então organizamos tudo pra fazer as duas coisas.

006

Tenisinho delícia da Beira Rio (bem baratinho!) comprado na Passarela pra entrar na “onda” da moda do tênis branco. Viagem tem que ter look e sapatos confortáveis!

007

 

Pra quem planeja viajar nesses meses de Inverno, o Nordeste é sempre ótima opção.

Chegando em Recife, André nos pegou no aeroporto e fomos fazer um tour. Adorei a orla da praia de Boa Viagem! Linda!

Almoçamos no bar/restaurante Entre Amigos, que gostei muito!

 

022

021

020

019

017

018

De entrada caldinho de camarão, que estava delicioso! Essas azeitonas e queijinhos dão o toque especial! Humm…

009

E prato principal foi Cioba recheada com uma farofa maravilhosa, arroz e pirão!

011

Cioba é um peixe branco e carnudo, com quase nada de espinhos e bem abundante na região. Não conhecia e adorei!
013

 

Daí partimos pro Instituto Ricardo Brennand, Castelo São João, a maior riqueza cultural que já vi aqui no Brasil. Fiquei encantada com as obras, estrutura, nem parece que estamos aqui. Todo mundo deveria poder conhecer! Vista aérea – foto do site oficial.

Museu de Armas Castelo São João foi criado pelo colecionador pernambucano Ricardo Brennand, que há mais de cinqüenta anos vem adquirindo obras de arte das mais diferentes procedências e épocas, cobrindo um espaço de tempo entre os séculos XV e XXI, com peças provenientes da Europa, Ásia, América e África.

Essas obras de arte estão reunidas em coleções de Pintura, brasileira e estrangeira, Armaria, Tapeçaria, Artes Decorativas, Escultura e Mobiliário.

Foi inaugurado no Brasil500Anos e por 5 anos a entrada foi gratuita para o povo poder conhecer mesmo, mas sei que a realidade ainda não permitiu que muita gente conheça. Uma pena.

São 3 castelos medievais, um com cada tema de exposição: obras de arte em tela e esculturas, tapetes, as estátuas gordinhas de Bottero, a maior coleção de arma branca do mundo (espadas, facas, armaduras e até algumas pistolas, rifles).

Abaixo, caminho lindo até a entrada, todo em coqueirais… Fazem casamentos aqui e deve ser um sonho! Há uma capela no fundo do terreno. Só de passar aí já dá uma paz, um encantamento…

033

039

051

057

055

054

059

063

Obra O Pensador de Rodin

062

Essas telas contam toda formação da região desde a colonização feita pelos Holandeses e Maurício de Nassau. É incrível!

083

082

Obras chinesas, ricas em detalhes esculpidos em dentes de marfim de mamutes, nesses detalhes pequeninos, que tentei dar close, tem cidades inteiras construídas.

116

Vejam quantos detalhes:

120

119

Coleção de estátuas de Bottero – me achei rsrs 🙂

149

148

155

Terceiro castelo com a maior coleção de armas e armaduras do mundo.

167

Reparem que até os cães tinham armadura. É tem cada riqueza de detalhes, pedras aplicadas, detalhes entalhados…

165

Enfim, esse instituto é passeio imperdível! Tem um cafezinho lá dentro pra tomar água, fazer um lanchinho.

Entrada inteira – R$ 25,00 – Na última terça-feira de cada mês é gratuito para todosTelefones: [81] 2121.0352/0365

O aeroporto de Recife é ótimo, tudo novinho, bem consevado e bem centralizado. Dá pra se chegar de ônibus, táxi, metrô. E tem Uber, Easy Taxi, 99Taxis em Recife.

 

Daí partimos pra Olinda – que fofura! Eu era louca pra conhecer. Pequenina, mas cheia de charme.

Abaixo, o início da Ladeira da Misericórdia, é bem inclinada, mas ao chegar lá em cima se vê toda baía e a cidade de Recife, a igreja da Sé… enfim, lindo!

177

Os casaris na subida da ladeira! Adoro!

175
174

Tão fofo, todas casinhas arrumadinhas, pintadinhas e conservadas ao estilo da época.

173

234

210

189

Ao terminar a subida da Ladeira tive a sorte de pegar a Igreja da Misericórdia aberta e a freiras em oração, que maravilha! Coisa linda e emocionante!
190

Detalhes dos azulejos barrocos, que amo!
198

197

Pausa pra tapioquinha, que depois de subir essa ladeira deu até leseira kkkk :),  na barraca da Bené, uma querida! Bem na pracinha, no centrinho de Olinda, onde tem uma feirinha de artesanato e comidinhas. Tapioca deliciosa, e bem diferente do jeito que é feita aqui. Humm…

208

207

206

Partimos pra andança e tive de novo a sorte de encontrar o Mosteiro de São Bento de Olinda, aberto e os padres em oração. Que maravilha! Mosteiro lindo, lindo!

217

 

Por hoje é só. Vou dividir os posts.

Espero que tenham gostado e se animado a conhecer o Nordeste, mas já aviso não fica barato. Uma pena. Ainda, sai mais barato ir pra fora, que viajar no Brasil.

Qualquer dúvida e dicas, deixem nos cometários, ta?

 

bjokas,

Van

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
© 2015 | Todos os direitos reservados | por DNA Comunicação